Início Outros G44 esclarece: Por que evitar o crédito rotativo do cartão de crédito?

G44 esclarece: Por que evitar o crédito rotativo do cartão de crédito?

Author

Date

Category

Você já se assustou com o valor da fatura do cartão de crédito e decidiu pagar aquele valor mínimo? Neste texto, a G44 Brasil esclarece porque você deve evitar o crédito rotativo do cartão de crédito, leia até o final!

O que é o crédito rotativo?

O crédito rotativo é um saldo que você pode utilizar quando não puder pagar a fatura do seu cartão de crédito na data de vencimento. Ele também é conhecido como ‘valor mínimo’.

Sendo assim, você pagará uma quantia mínima que corresponde entre o menor valor e o total da fatura do mês. Assim todo o resto é financiado pelo banco e lançado nas próximas faturas, obviamente, com juros normais e juros por atraso.

Quais os perigos do crédito rotativo?

O uso sem planejamento do cartão de crédito aumenta as chances de usar o crédito rotativo, porque sem a devida organização, você pode exceder o limite de gastos mensais e assim não pagando a fatura inteira.

É muito comum as pessoas buscarem o crédito rotativo e após não poder pagar a fatura inteira, optarem pelo parcelamento desse valor. Mas engana-se quem acha que essa é a melhor opção, pois as taxas de juros continuam altíssimas e na maioria das vezes a pessoa não consegue cumprir, tornando a dívida incontrolável.

Por que evitar o crédito rotativo do cartão de crédito?

Pode até parecer um alívio pagar apenas uma pequena parte da conta do cartão de crédito naquele mês quando você está com o orçamento apertado, mas na verdade é um grande erro. Você deve evitar o crédito rotativo, porque quando você escolhe um valor menor a ser pago na fatura, você também escolhe os maiores juros do mercado, mais os encargos acumulados. Ou seja, uma pequena dívida pode se tornar um valor incontrolável por você.

Outro problema grave é que a maioria das pessoas que escolhem usar o crédito rotativo não planejamento orçamento do mês seguinte, para cobrir o pagamento total da fatura do cartão. Isso transforma a situação uma verdadeira bola de neve incontrolável.

Antes de tomar qualquer decisão quando se trata no pagamento da fatura do seu cartão de crédito, pense bastante nos riscos e implicações que poderão acontecer nos próximos meses.

Depois dessa dica, não esqueça de conferir nossos outros conteúdos. Aqui, a G44 Brasil esclarece dúvidas e dá dicas de finanças. 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

DELIO ANDRADE

Jornalista, sob o número 0012243/DF

Responsável pelo G44 Blog, assuntos referenciados a G44 Brasil S.A. Empresa brasileira do ramo de investimentos.

CONTATOS:

ENDEREÇO: QS 01, Rua 210, lote 34 bloco b Sala 306 Edifício Empresarial Led Águas Claras, Brasília - DF, 71950-770

TELEFONE: +5561984277294

Últimas postagens

Comentários recentes

Atendimento do Blog G44
Pular para a barra de ferramentas